Rolê pelas notícias de 1 a 5 de outubro

Rolê pelas notícias de 1 a 5 de outubro

Eleições

O Tribunal Eleitoral de Santa Catarina instituiu em maio deste ano o Comitê Consultivo da Internet para combater as fake news. Confira a entrevista que o coordenador do comitê, Antonio Fernando Schenkel do Amaral e Silva, concedeu à Revi. Ele destaca a importância de conscientizar a população a não acreditar em notícias falsas, mas reconhece a dificuldade de atuação em canais como o WhatsApp.

Protestos

Milhares de manifestante protestaram, na quinta-feira (4), em Washington contra a nomeação do juiz Brett Kavanaugh, indicado por Trump para a Suprema Corte dos Estados Unidos. Ele foi acusado por três mulheres de agressão sexual. O juiz nega as acusações. O ato foi organizado ACLU (American Civil Liberties Union), grupo que luta pelos direitos e liberdade individuais dos americanos.

Nobel da Paz

Denis Mukwege e Nadia Murad, ativistas que lutam contra a violência sexual como arma de guerra, são os ganhadores do Prêmio Nobel da Paz 2018. O médico Denis Mukwege tratou de cerca de 30 mil vítimas de violência sexual na República Democrática do Congo. Nadia foi escrava sexual do grupo extremista Estado Islâmico, no Iraque. O anúncio dos vencedores foi feito na manhã desta sexta-feira (5), em Oslo, na Noruega.

Luto

João Vitor Costa, 20 anos, estudante da 4ª fase de Jornalismo da Faculdade Ielusc, morreu após acidente de trânsito, na noite de quarta-feira (3).  “A imagem que fica é a dele passando nos corredores com um sorriso no rosto”, declarou para A Notícia o coordenador do curso, Sílvio Melatti.

Adeus

Na quarta-feira (3), morreu o ex-vereador joinvilense Amandos Finder, que deu nome ao Morro do Finder, em Joinville. Ele tinha 94 anos e uma história de dedicação pela cidade na segunda metade do século 20. Foi comerciante e músico e colaborou com a migração de moradores de outras cidades para Joinville nos anos de 1970, quando havia grande demanda por funcionários nas indústrias da cidade.

Debate

O último debate entre candidatos à Presidência ocorreu na noite de quinta-feira, na TV Globo. Ao longo das discussões, o líder das pesquisas, Jair Bolsonaro (PSL) foi bastante criticado porque não compareceu, alegando motivos recomendações médicas, mas deu entrevista à TV Record.

Posts relacionados
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *