Acadêmica analisa as estratégias narrativas no caso Cancellier

Acadêmica analisa as estratégias narrativas no caso Cancellier

A estudante Nathalia Thomassen, com a orientação da professora Beatriz Cavenaghi, apresentou sua monografia com o tema “Da prisão ao suicídio: as estratégias narrativas e o discurso jornalísticos no caso Cancellier“. Com o objetivo de compreender como os personagens midiáticos são influenciados pelas escolhas narrativas. A banca avaliadora contou com os doutores Marília Crispi de Moraes e Sandro Galarça.

Nathalia baseou seu trabalho em três teorias principais, o “Imaginário Social” de Juremir Machado, os “Arquétipos” de Carl Jung e “A jornada do herói” de Campbell.  A estudante analisou a cobertura do Jornal do Almoço desde o início da operação Ouvidos Moucos, da Polícia Federal, até o suicídio do ex-reitor da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina)  Luiz Carlos Cancellier de Olivo.

Um de seus objetivos foi identificar a existência dos arquétipos no inconsciente coletivo para entender como isso afeta o jornalismo.  Em sua metodologia, ela usou uma mescla de análise da narrativa, do discurso e semiótica. Ao todo, foram 16 matérias analisadas, todas do Jornal do Almoço, pois a televisão é o meio de comunicação mais utilizado pelos brasileiros. A acadêmica constatou  a total inversão de discurso da mídia, pois, após o o suicídio, Cancellier passou de  “vilão”, acusado de desviar recursos públicos, a”herói”, tendo suas qualidades acadêmicas e profissionais ressaltadas.

A professora Marília descreveu o segundo capítulo  da monografia como “primoroso” e disse que vai utilizá-lo em sala de aula. Galarça também elogiou o trabalho. “É difícil não concordar com suas palavras, Nathalia”, afirmou. Após algumas ponderações, os avaliadores recomendaram a inscrição do TCC em prêmios estaduais e também a publicação. Não demorou mais que cinco minutos para que a nota final fosse definida: dez.

Posts relacionados
1 comentário
    • Teresinha de Aguiar Francio
    • On: 18 de dezembro de 2018

    Nathalia gostaria muito de ler seu trabalho e que ele fosse bastante divulgado. Sei que vai ser inevitável não chorar ao ler. Presente querido amigo Cau (Luiz Carlos Cancellier). Um pedaço de mi morreu junto com ele.

    Responder
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *